quinta-feira, 28 de julho de 2011

A foto que eu amo

(sua foto aqui)


Na foto que eu amo, vejo seu perfil perfeito. Não sei para onde olha, mas sei que morde a boca, como quando está pensando no que vai dizer...
Os cabelos, raramente à mostra, estão lá, rebeldes, contestadores como você.
A barba...
Na foto que eu amo, imagino que você olha pra mim. Que estou deitada na sua frente, meio vestida, meio nua, livro na mão, enquanto lhe espero. Você virá, me olhando fixo, mordendo a boca, pensando no que vai fazer...
Na foto que eu amo, imagino meter a mão por sua barba e ir me alojar nos seus cabelos, entrando diretamente sob o foco do seu olhar. Desfazer a mordida na boca, me oferecer pra essa mordida, não pensa mais, não pensa mais...
Na foto que amo, vou ter você pra sempre. Vou sonhar, viver o que eu quiser. Passado, presente, futuro - na foto que amo, nos amamos acima e além do tempo.

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Ensaio Sensual


Roça de leve minha nuca com tua boca.
Dos poros há de subir o cheiro da minha essência.
De tua boca há de ficar o hálito quente do desejo.
Deixa que a barba magoe minha face e apenas insinue um beijo…
Mais um olhar para o alvo, um sorriso rouco, um gracejo…
Que tua mão esquerda afague e se afogue em meus cabelos,
Enquanto a destra e certa se perde no caminho dos meus seios.
Que uma não saiba da outra!
Não te percas em palavras vãs, não desperdices o instante!
Chega em silêncio, toma o que é teu e guarda apenas a lembrança.
Cá guardarei também o momento meu e sorrirei, te acenando à distância…